quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Pré-Sal

A camada de pré-sal é uma faixa que se estende em 800 quilômetros entre os Estados do Espírito Santo e Santa Catarina,englobando assim três bacias sedimentares (Espírito Santo, Campos e Santos). Há 7 mil metros, abaixo dessa camada de sal encontra-se segundo os geólogos uma quantidade absurda de petróleo de ótima qualidade.

Há vários poços de petróleo, o principal é o de Tupi, também temos o Bem-te-vi, Carioca, Júpiter e Iara, entre outros.

Estima- se que o poço de Tupi tem uma reserva de 5 bilhões e 8 bilhões de barris de petróleo, considerado umas das maiores descobertas do mundo dos últimos 7 anos.


Problemas na extração.

A produção do bloco Tupi ficou abaixo do estimado, a Petrobras estimava-se extrair 15 mil barris por dia, mas obteve apenas 796 barris diários, em julho houve um salto na extração de barris de petróleo, de 796 barris por dia já se extraia mais de 13 mil barris diários, fechando o mês com mais 413 mil barris mês.

A média de extração de petróleo entre os meses de maio e junho foi de 7300 barris dia, a grande expectativa é que no auge que será no ano de 2020 , a produção de oléo chegue cerca de 1 milhão de barris.

O grande problema do pré-sal éque ninguém sabe qual é o jeito correto de se extrair petróleo dessa camada, caso a extração não ocorra corretamente há o perigo de perdas durante o processo de produção.



No próximo post falarei sobre a polêmica em torno do pré-sal, e as discordias entre os governadores e o presidente Lula.



Um comentário: